Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

SONOLÊNCIA DIURNA EXCESSIVA ENTRE ALUNOS DE ENGENHARIA MECATRÔNICA E MECÂNICA

Introdução

A sonolência diurna excessiva (SDE) se constitui em um problema comum entre universitários, podendo prejudicar a sua aprendizagem e qualidade de vida em geral.

Objetivo

Avaliar a prevalência de SDE entre alunos de engenharia Mecatrônica e Mecânica.

Métodos

Quantitativo, descritivo e de corte transversal. Foram aplicados em 125 acadêmicos, de ambos os sexos, um questionário sócio demográfico, um termo de consentimento livre e esclarecido e a Escala de Sonolência Epworth.

Resultados

As mulheres apresentaram mais SDE e os alunos dependentes economicamente dos pais (55%). Não houve correlação entre a SDE e o turno de estudo, a idade, semestre de estudo, estado civil e se o aluno trabalhava ou não.

Conclusões

Houve uma maior prevalência de SDE entre as universitárias, o que pode refletir os diversos papéis femininos na sociedade, influenciando no seu sono noturno e causando SDE. Por outro lado, os alunos que dependem dos pais possuem mais tempo para a vida social, restringindo seu sono noturno e podendo causar a SDE.

Palavras-chave

Engenharia; Sono; Sonolência diurna excessiva; Estudantes.

Área

Área Clínica

Autores

José Carlos Souza, Karina Andrade, Mirna Torres Figueiró, Lucas Rasi