Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

PADRÃO DE SONO EM ADOLESCENTES DE DIFERENTES SÉRIES DO ENSINO MÉDIO

Introdução

Na adolescência ocorre uma tendência fisiológica de atraso de fase de sono, ao passo que as obrigações sociais, como os horários escolares, exigem um despertar precoce, levando a um débito crônico de sono. Neste contexto, estudos vêm sendo desenvolvidos sobre o sono de adolescentes e fatores associados. Assim, questiona-se a influência das séries escolares sobre o padrão do sono nestes indivíduos.

Objetivo

Avaliar o padrão de sono de adolescentes de diferentes séries do ensino médio.

Métodos

Trata-se de um estudo quantitativo e transversal em duas escolas públicas do ensino médio, localizada em Teresina- PI e realizado de agosto/2016 a junho/2017. Foram estudados 402 estudantes (1º ano = 123; 2º ano = 134; 3º ano = 145 indivíduos). A qualidade e a duração do sono foram avaliadas pelo Índice de Qualidade do Sono de Pittsburgh (IQSP) e a sonolência diurna foi verificada pela Escala de Sonolência de Epworth (ESE). Os estudantes e responsáveis autorizaram a participação na pesquisa que foi aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa com Parecer nº 1.765.365.

Resultados

Participaram 63,9% (257) indivíduos do sexo feminino e idade (média±DP) = 16,2 ± 1,1 anos. A duração do sono foi de 6,7 ± 1,7 horas e o escore do IQSP foi 7,4 ± 3,3 com 68,4% apresentando qualidade do sono ruim (IQSP > 5). Observou-se ainda um escore médio do ESE de 10,5 ± 4,3 com 59,5% de sonolência diurna excessiva (ESE ≥ 10). Foi observada uma diferença significativa da duração, qualidade do sono e sonolência entre as séries (1º, 2º e 3º anos) do ensino médio com maior prejuízo no padrão de sono para os indivíduos do 3º ano. Destaca-se a associação entre a idade e escore do IQSP, latência e duração do sono.

Conclusões

Os dados demonstram que os adolescentes estavam privados de sono. Os indivíduos de diferentes séries apresentaram padrão de sono peculiar com pior qualidade do sono e sonolência diurna para os que estavam no 3º ano do ensino médio. Tornam-se importantes outros estudos sobre o tema e a discussão de estratégias para melhorar o padrão de sono dos estudantes.

Palavras-chave

Sono, adolescentes, ensino médio.

Área

Área Clínica

Instituições

Universidade Federal do Ceará - Ceara - Brasil

Autores

Luana Gabrielle de França Ferreira, Igor Almeida Silva, Pedro Felipe Carvalhedo de Bruin