Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

QUALIDADE DO SONO E SONOLÊNCIA DIURNA EM ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS

Introdução

O sono é um estado fisiológico que ocorre de maneira cíclica, no qual, em seres humanos, é constituído pelo Sono Não Rem I, II, III e IV e Sono Rem. Dormir é fundamental para o restabelecimento da saúde física e cognitiva; e a privação do sono, contribui para o desenvolvimento da má qualidade de sono e sonolência diurna excessiva, interferindo nos processos fisiológicos do indivíduo e na sua qualidade de vida.

Objetivo

Avaliar a qualidade do sono e nível de sonolência em alunos de licenciatura em Educação Física.

Métodos

Para participar do estudo, foram utilizados como critérios de inclusão: ter idade entre 18 e 35 anos, estar matriculado no curso de educação física, ser sedentário, e irregularmente ativo (determinado a partir do Questionário Internacional de Atividade Física versão curta). Foram selecionados 30 voluntários para participar da pesquisa. Para avaliar a qualidade do sono e o nível de sonolência, os voluntários responderam o Questionário de Índice de Qualidade do Sono de Pittsburgh (PSQI) e a Escala de Sonolência de Epworth (ESE). Os dados foram analisados através do Excel 2016.

Resultados

Sobre a qualidade do sono, a maioria dos voluntários (82%), apresentaram uma qualidade do sono ruim, seguido de 15% com boa qualidade de sono e 3% com distúrbio do sono. Também obtiveram no PSQI uma pontuação média de 6,4 ± 2,0, indicando que esses alunos são maus dormidores. Nos componentes do PSQI, a disfunção durante o dia, duração do sono e qualidade subjetiva do sono, expressaram os valores mais elevados. No ESE os voluntários atingiram pontuação média de 9,6 ± 4,7, ultrapassando o limite do que é considerado ausência de sonolência diurna. Especificamente observa-se que 13% possuem sonolência moderada, 30% no limite do considerado ausência de sonolência e 30%, sonolência leve.

Conclusões

A partir dos resultados, conclui-se que os estudantes de graduação estão com a qualidade do sono alterada, que pode ser devido a alta demanda acadêmica e aos eventos sociais e familiares. Com isso, é possível criar estratégias em promoção de uma boa qualidade do sono e de vida nessa população.


Palavras-chave

Qualidade do sono; Sonolência Diurna; Estudantes universitários

Área

Área Básica

Autores

Maria Gabriela Silva Carneiro Monteiro , Aurea Letícia Gomes Da Silva, Nathalia Fernanda De Morais Melo, Thúlio Nilson Do Nascimento Pereira, Ivonete Silva Carnero Monteiro, Anna Myrna Jaguaribe De Lima, Rosangela Vidal De Souza Araújo