Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

Horas de sono e excesso de peso corporal em crianças de 4 anos de idade

Introdução

Recentemente alguns autores têm discutido que a quantidade de horas de sono e a qualidade do sono estão associados ao estado nutricional em adultos. No entanto, poucos estudos longitudinais investigaram o efeito desses fatores no estado nutricional de crianças. Sob a perspectiva da saúde pública, estudos que gerem informações sobre os efeitos da qualidade do sono na saúde da criança são fundamentais para a elaboração de programas que objetivam evitar o desenvolvimento de diversas doenças associadas ao longo da vida, entre elas o excesso de peso corporal.

Objetivo

Verificar se existe associação entre horas de sono e excesso de peso corporal (sobrepeso e obesidade) em crianças aos quatro anos de idade.

Métodos

Este estudo é parte de um estudo maior, de coorte, que envolveu 435 mulheres e seus filhos atendidos em uma maternidade pública de Joinville, SC em 2012. Para este estudo foram consideradas todas as crianças que participaram do terceiro seguimento, realizado em 2016-2017, e com idade entre 4 e 5 anos. Foram utilizadas as variáveis sexo, idade, peso, estatura e Índice de Massa Corporal (IMC) da criança. Os dados foram coletados nas residências das famílias mediante agendamento prévio. Para a avaliação da qualidade do sono foi aplicado o Inventário dos Hábitos de Sono para Crianças Pré-escolares, preenchido conforme o relato das mães. O estado nutricional das crianças foi avaliado segundo o IMC por idade e sexo.

Resultados

Entre as 216 crianças avaliadas, 118 (55%) foram meninos e 98 (45%) meninas. A média semanal de horas de sono foi de 10h:55min (DP=1h:32min), e a média do escore para qualidade do sono foi de 12,34 para os meninos e 11,96 para as meninas, sem diferença significativa entre os sexos. O excesso de peso corporal foi observado em 30.6% das crianças, sendo 60,6% nos meninos e 39,4% nas meninas. Não houve diferença significativa entre quantidade de horas de sono ou qualidade do sono e estado nutricional.

Conclusões

A quantidade de horas de sono semanal e a qualidade do sono não estão associadas ao estado nutricional de crianças com 4 e 5 anos de idade. No entanto, o fato de cerca de um terço dos indivíduos classificados com quantidade de horas de sono semanal e qualidade do sono inadequados apresentarem excesso de peso corporal sugerem que mais estudos com maior número de participantes avaliem essa relação.

Palavras-chave

Estado nutricional; Qualidade do sono; Sobrepeso; Obesidade infantil.

Área

Área Básica

Instituições

Universidade da Região de Joinville - Univille - Santa Catarina - Brasil

Autores

Melody Mansani Trombelli, Simone Kácia Wendt, Emanuelle Mandú Meira dos Santos, Bruna Constantino, Sandra Czarnobay, Amanda de Bittencourt , Carolina Hagemann dos Santos, Marco Fábio Mastroeni