Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

AVALIAÇÃO DA OROFARINGE A PARTIR DE DIFERENTES AVANÇOS MANDIBULARES COM APARELHO INTRA-ORAL UTILIZANDO-SE DE TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA CONE-BEAM

Introdução

A Síndrome da Apnéia e Hipopnéia Obstrutiva do Sono (SAHOS) é uma doença caracterizada pelo colapso do espaço aéreo faríngeo, resultando em episódios repetitivos de interrupção da passagem aérea, diminuição da saturação do oxigênio e interrupção do sono por mais de 10 segundos. Uma opção de tratamento é a utilização de aparelho intra-oral de avanço mandibular. Os mesmos são indicados para tratamento da SAHOS leve, e são indicados para a SAHOS moderada e severa quando o paciente não consegue aderir ao tratamento com CPAP. Estes aparelhos aumentam a passagem de ar, modificando a luz do espaço aéreo superior.

Objetivo

O objetivo deste estudo foi avaliar as possíveis alterações que ocorrem na região da orofaringe, através de medidas lineares e volumétricas, com o uso de aparelho intra-oral para avanço de mandíbula.

Métodos

Foram realizadas três tomografias computadorizadas Cone-Beam. A primeira sem o aparelho e as outras duas com o aparelho avançando a mandíbula 2 e 6mm. Os dados obtidos foram avaliados e mensurados através do software Vista Dent 3D e Dentsply GAC.

Resultados

Houve um aumento linear e volumétrico nas dimensões da orofaringe após a colocação do aparelho, e foram observadas diferenças entre os avanços de 2 e 6mm.

Conclusões

Este estudo mostrou que o aparelho intra-oral de avanço mandibular aumenta o volume da orofaringe, porém há necessidade de avanços excessivos.

Palavras-chave

Apnéia. Polissonografia. Orofaringe. Ronco.

Área

Área Clínica

Autores

Marcela Berretta Rau, Rodrigo Matos de Souza, Arno Locks, Rodrigo Otavio Merlim Passoni